Enxoval do bebê: por onde começar?

O enxoval é uma parte tão gostosa e ao mesmo tempo trabalhosa de se planejar! É difícil saber se estamos comprando coisas desnecessárias ou coisas de menos! 

Eu não sabia por onde começar quando estava grávida do Valentino. Logo depois do ultra das 12 semanas resolvi baixar uma lista de uma loja de bebês aqui da Austrália. Tinha muita coisa que de cara eu achei que não seria preciso e fui excluindo.

Organizei um chá de bebê com 33 semanas de gestação e ganhei muita coisa.útil. Foi bom não ter me precipitado para comprar nada antes. Alguns itens eu acabei não usando, como o monitor eletrônico (fiz cama compartilhada) e mamadeiras, mas a maioria dos itens foram bem escolhidos! 

Itens maiores como móveis, carrinho, cadeirinha para o carro, pesquisamos muito pela internet, fomos em várias lojas para avaliarmos se eram boas opções e apenas após nos sentirmos confortáveis, compramos os itens.

A compra do carrinho foi a de maior sucesso. Pesquisamos por meses, listamos os atributos que buscávamos (no meu caso, um carrinho leve, fácil de montar e desmontar, já que não dirijo) e daí saiu mais barato comprar online de outro estado do que de lojas físicas aqui da cidade.

Porém, o meu erro foi nas roupinhas. Assim que descobri que era menino, comecei a comprar várias coisas foférrimas que eu ia achando, porque não resistia a tamanha fofura e achava que ele precisaria.

Eu me esqueci que as pessoas dão MUITOS presentes, principalmente roupa. Também fui comprando roupinhas de tamanhos variados, de forma que no final da gestação ele já tinha roupinhas até 1 ano de idade. Se por um lado isso facilitou minha vida ao longo dos meses, foi um erro pois eu fiquei com um excesso de roupas para armazenar, lavar e acabamos não utilizando tudo! Várias roupinhas dele foram usadas apenas uma vez e já não serviam mais. Muita dó!

Desta vez, sendo maruja de segunda viagem, não precisei comprar quase nada de itens para o quartinho, por exemplo, Reaproveitei para a Antonella muitas das coisas do Valentino. Aprendi a resistir às roupinhas maravilhosas… quando eu soube que ela era menina, quase tive um treco! Tem muuuuita coisa linda para menininhas aqui, mas me contive. Comprei apenas poucos itens para recém-nascido (macacões basicamente, pois são mais práticos e nesse começo tem muita troca de fralda), e reaproveitei várias coisas neutras do irmão mais velho. Também ganhei coisas que eram das minhas sobrinhas. Basicamente montei o enxoval até os 3 meses e depois aos poucos eu vou comprando de acordo com a estação do ano. Desta forma, consegui dividir o armário para as duas crianças.

Um item que eu comprei apenas com 3 meses de vida do Valentino e me arrependi foi a mochila ergonômica. Deveria ter comprado desde o primeiro dia de vida! No meu caso, investi em um Ergobaby 360. Eu ganhei um sling de tecido e comprei um também, mas não consegui me adaptar, achei bem difícil fazer as amarrações de forma correta. A mochila me deu liberdade para carregar o bebê para qualquer canto e também amamentá-lo onde quer que estivesse. Item fundamental no meu ver! 

Outro item bastante importante foi a bomba de extração de leite. No caso, uma amiga me deu a dela e eu apenas comprei as peças para repor. Foi a melhor coisa, usei muito, desde quando estava no começo e não estava dando conta de tanto leite, e também quando voltei a trabalhar e precisava ordenhar e fazer um estoque. A bomba que usei era a Medela Swing. Tem muitas bombas de excelente qualidade no mercado. Custa caro, mas vale cada centavo do investimento. Há a opção também de alugar. 

Enfim, vamos à lista? Esta lista foi atualizada recentemente, com itens que eu acho que são importantes para quem está começando a se organizar. Boa sorte!

Gravidez

Roupas de gestante (casual/trabalho/noite)
Sutiã e calcinha confortáveis
Faixa de cotton para usar com calça, shorts
Creme/óleo de amêndoas para prevenir estrias

Amamentação

Sutias de amamentação
Protetor de seios (preferência reutilizável)
Fraldas Kremer e toalhinha de boca
Bomba de extrair leite elétrica
Saquinhos/vidros para armazenamento de leite

Quartinho

Berço
Colchão
Protetor de colchão
Lençóis e mantinhas/cobertores
Saco de dormir
Trocador
Gaveteiros e armários
Cabides
Monitor eletrônico (sem necessidade se nao faz cama compartilhada)
Luz noturna

Locomoção

Sling ou mochila ergonômica
Carrinho
Acessórios pra carrinho (cobertor, capa de chuva)
Trocador de fralda portatil
Bebê conforto (ate 6-9 meses)
Cadeirinha para carro (a partir dos 9 meses)
Suporte para cabeça
Bolsa ou mochila (com todos os itens para troca de fraldas, roupinhas extras etc)

Hora do banho

Banheira
Suporte para banheira
Ofurô
Acessorios para unha
Escovinha e pente de cabelo
Toalhas de banho (com e sem touca)
Itens de higiene (shampoo, creme hidratante, sabonete)
Cotonetes para bebê

Troca de fraldas

Trocador
Algodão
Garrafa termica pequena
Lencos umedecidos sem fragrância
Fraldas (não comprar muitas fraldas RN – uns 2 pacotes médios para começar está de bom tamanho)
Pomada anti-assadura (comprar uma e repor apenas quando estiver para acabar)

Roupinhas de recém-nascido

10 macacões de manga comprida
10 camisetinhas regatas

Alguns conjuntinhos de body com calça (eu preferi não usar num bebê tão novinho)
Meias
Luvinhas
Gorrinho

Introdução Alimentar (a partir de 6 meses)

Cadeirão
Potinhos e pratinhos
Conjunto de talheres
Copinho de treinamento (360 é o ideal, ou copo de bico rígido)
Mordedor
Escovinha de dente (pode usar gaze ou fraldinha de boca pra higienizar)
Potinho térmico (para armazenar papinha ou comida quando sair)
Lancheira térmica
Babadores